Skip to main content
Análise SEO

Como Usar Subtítulos para Melhorar a Legibilidade do Seu Texto

Se você está aprendendo SEO, já deve saber que os subtítulos desempenham um papel crucial na otimização do seu site. Eles não apenas ajudam os usuários a navegar pelo seu conteúdo, mas também têm um impacto significativo nos motores de busca. Neste artigo, compartilhamos dicas e insights sobre como usar subtítulos para otimizar a legibilidade do seu conteúdo e, potencialmente, a classificação do seu site nos resultados de pesquisas nos mecanismos de busca (SERP).

A Importância dos Subtítulos

Os subtítulos funcionam como sinalizações para orientar a leitura. Sem uma estrutura organizada, os leitores têm mais dificuldade para entender o conteúdo do seu texto e o que esperar da leitura. Afinal, um grande bloco de texto sem divisões pode afugentar os visitantes, causando o temido wall of text – que você deve evitar a todo custo.

Acessibilidade

Além de auxiliar na experiência do usuário, a estrutura de subtítulos também é crucial para a acessibilidade. Pessoas com deficiência visual utilizam leitores de tela que interpretam os cabeçalhos em HTML. E, como o que é bom para acessibilidade também é bom para SEO, motores de busca valorizam sites que oferecem uma experiência positiva para todos os usuários.

SEO

Embora os subtítulos em si não tenham um impacto direto nas classificações nos mecanismos de busca, eles contribuem indiretamente para uma classificação mais alta. Uma estrutura de subtítulos bem organizada torna o conteúdo mais legível e agradável para os visitantes. Quando os visitantes encontram o que procuram facilmente, permanecem mais tempo no seu site, o que é um bom sinal para os motores de busca.

A estrutura de subtítulos também influencia na taxa de rejeição. Se os visitantes não encontram o que desejam e saem rapidamente, os motores de busca podem interpretar isso como um sinal de que seu site não atende às necessidades dos usuários.

Como Usar Subtítulos nos Textos do seu Blog

Então, como você pode usar cabeçalhos de maneira eficaz? Primeiro, lembre-se de que, em cada página, você deve ter apenas um único

(Título 1 – no editor de texto do ), que deve ser o título da página ou postagem do seu blog tal qual um título do capítulo de um livro.

À medida que você desenvolve o seu texto, use

(Título 2) e

(Título 3) para introduzir diferentes seções. Pense nos cabeçalhos

como os tópicos mais relevantes do seu texto e use cabeçalhos

para subdividir ainda mais o conteúdo – se necessário. Em conteúdo estrutural, você também pode explorar os cabeçalhos

,
e
sempre que fizer sentido na criação de um texto mais completo.

O plugin Yoast SEO pode ajudar você nessa jornada porque ele avalia a distribuição de subtítulos para estimar a legibilidade do seu texto e verifica também se você usou sua palavra-chave nos subtítulos para avaliar critérios de SEO.

A Distribuição de Subtítulos do plugin Yoast SEO

O plugin analisa o uso de subtítulos no seu texto para avaliar a legibilidade do seu conteúdo. Se você receber uma luz vermelha ou laranja para a distribuição de subtítulos, tente criar subtítulos para cada tópico separado em seu texto. Você pode criar subtítulos para cada parágrafo ou para um grupo de parágrafos relacionados. Para receber luz verde, evite deixar blocos de mais de 250 palavras sem divisão por subtítulos.

E evite que os textos dos subtítulos sejam muito longo também. O texto após um subtítulos não deve ser muito extenso, chegando no máximo a 350 palavras. Caso mesmo assim ainda queira entender mais detalhes, confira o blog do Yoast.

Em conclusão, os subtítulos desempenham um papel fundamental na redação SEO e na usabilidade do seu site. Sabendo como usar subtítulos adequadamente, você não apenas ajuda os leitores a navegar pelo seu conteúdo, mas também melhora sua classificação nos mecanismos de busca. Portanto, não deixe de usar subtítulos na sua estratégia de SEO. Além disso, lembre-se de conferir as sugestões do plugin do WordPress para verificar a distribuição de subtítulos e a presença de palavras-chave nos mesmos. Com essa abordagem, certamente você estará no caminho para otimizar seu site de forma eficaz.

Curte nosso blog? Então compartilhe nas redes!

Deixe um comentário